09 de Agosto – GINÁSTICA É BRASIL – DIEGO HIPÓLITO

Diego Hypólito faz grande apresentação e vai à final do solo
Lello Lopes
Em Pequim (China)*

Diego Hypólito vai se tornar o primeiro ginasta brasileiro a disputar uma final por aparelhos nos Jogos Olímpicos. Neste sábado, o atleta confirmou o seu favoritismo e tirou a nota 15,950 no solo em Pequim, a mais alta do aparelho nas eliminatórias, garantindo uma vaga na briga por medalhas da modalidade.
 A nota foi obtida pelo brasileiro na segunda bateria das eliminatórias. Até então, a fase era liderada pelo espanhol Gervasio Deferr, um dos principais adversários de Diego.
De nível mediano, a terceira bateria trazia apenas um ginasta com reais chances de superar Diego, o romeno Marian Dragulescu, algoz do brasileiro no Mundial de 2006. O europeu foi bem, mas ficou a 25 milésimos do brasileiro (15,925 pontos), garantindo a segunda colocação. Deferr terminou com a terceira melhor nota (15,825), seguido pelo alemão Fabian Hambuechen (15,800).

Bicampeão mundial no solo, Diego Hypólito entrou no Ginásio Nacional, em Pequim, vestindo o short de ginástica e o blusão da equipe brasileira. Como é de praxe, ele se benzeu assim que pisou no tablado.
Diego então esperou a sua vez de competir. O brasileiro cumpriu o que havia anunciado no meio da semana e estreou na Olimpíada na prova do salto. O aparelho foi usado como pára-raio, para que Diego já sentisse o clima da competição. O brasileiro recebeu a nota 16,100 em seu primeiro salto, e desistiu do segundo, poupando-se para a prova do solo.
No meio da semana, o técnico de Diego Hypólito, Renato Araújo, previa que uma apresentação com nota por volta de 15,800 garantiria a vaga na final. E o atleta já entrou no solo sabendo que nem precisava atingir esse índice. Quando iniciou a sua apresentação, o líder da disputa era o espanhol Gervasio Deferr, com 15,825. Os outros ginastas tinham notas mais baixas.
Dois dos principais rivais de Hypólito não foram bem. O atual campeão olímpico, o canadense Kyle Shewfelt, tirou apenas 15,525 e ficou em nono lugar, fora da final. Já o também canadense Brandon O’Neill, que foi vice-campeão mundial em 2005, sentiu uma lesão no tornozelo e abandonou a prova.
Diego foi o penúltimo ginasta a entrar no solo na segunda bateria eliminatória. Com o ginásio lotado de torcedores que apoiavam os chineses, ele fez uma apresentação com poucos erros.

Os jurados gostaram do desempenho do atleta, que saiu do solo comemorando bastante. Ele foi abraçado com força pelo seu técnico e recebeu os cumprimentos dos outros ginastas.
“Não tinha como disfarçar o sorriso no final da série. Estou mais do que feliz. Estar na final é o meu maior objetivo. Confesso que se eu não estivesse na final eu iria ficar muito frustrado. Mas eu estava muito confiante. Entrei e falei que não iria errar”, disse Diego.

Anúncios

6 Respostas to “09 de Agosto – GINÁSTICA É BRASIL – DIEGO HIPÓLITO”

  1. Patricia Gomes Says:

    Gostaria que essa mensagem chegasse ao Diego Hipólito nesse dia tão difícil. Hoje, ele não consegui a medalha tão merecida.
    Diego, não existe necessidade de se desculpar do povo brasileiro. Pois, quem não sabe da sua luta individual eu diria, pois no Brasil conhecemos o incentivo ao esporte. O atleta que você se tornou foi a custa de muito esforço e força de vontade, sabemos das condições dos ginásios, alimentação, etc. Sabemos também a diferença da nossa realidade brasileira para a realidade de outros países ditos desenvolvidos.
    Pessoas com histporia de luta e persistência como você não deveriam sentir essa dor, não deveriam sequer derramar uma lágrima. Qualquer brasileir que não queira entender esse momento, está infelizmente vivendo num mundo a parte sem o mínimo de reflexões críticas. è um momento para nossos governantes pensarem: Porque com a ida de tanto atleta tivemos um desempenho tão incipiente. è muito legal depois da fama e da vitória apertar a mão e dizer: esse é brasileiro! Mais e os 4,8,12,16 anos anteriores ? Onde estava o incentivo para os atletas?

    Seja Feliz Diego. Você não perdeu. Nós brasileiros perdemos.

  2. jackson Says:

    Diego, hoje 17 de agosto, quero dizer que voce independente de ter errado ou não, não interessa, o que realmente interessa é que voce foi bastante persistente, e tentou ate o último momento em pequim.
    Erga a sua cabeça, voce é brasileiro e isso faz de vocve referência mundial, parabÊns pela sua ida a pequim , nós brasileiro te amamos e nos orgulhamos de voce, força cara!!!!
    com certeza voce será lembrado por muitas gerações.
    um forte abraço.

  3. Leila Says:

    Gostaria de reforçar a mensagem de apoio dos colegas do site a você Diego.
    Você é um vencedor, um guerreiro nato, um exemplo de superação e conquistas. E tenho certeza que é orgulho da maioria de nós brasileiros.
    Achei bonita a sua declaração pedindo desculpas. Mas você não precisa se desculpar de absolutamente nada, pelo contrário, nós, brasileiros carentes de herois, que devemos desculpas a você e a todos os atletas olímpicos por não reconhecermos que o nosso país ainda é imaturo, irresponsável e ausente no que diz respeito ao esporte. Você, e muitos outros atletas, chegou onde chegou por amor, por garra e por outros motivos, mas com certeza, não foi com o apoio do governo brasileiro que não reconhece que esporte é educação, é disciplina, é alegria, é saúde, enfim, é parte integrante da vida.
    Que Deus te abençoe e conforte o seu coração.
    Você e a Daniele fizeram (e continuarão fazendo) lindas histórias na ginastica brasileira.
    PARABÉNS!!!
    Leila

  4. Andréia Says:

    Diego,
    parabéns pela sua luta,
    independente de ter ganho ou não a medalha q. tanto queriamos
    vc já é um vencedor. Chegar onde vc chegou já demonstra
    grande feito e já é uma grande conquista.
    Continue assim, essa pessoa batalhadora, que com certeza muitas e muitas vitórias virão.
    Um abração!!!

  5. Ruth Molas Moura Says:

    Diego,

    Acompanhei durante este ano ( de longe) o seu esforço e determinação para atingir o seu objetivo. Acho que o seu objetivo maior você já conseguiu que é a vitória da superação, da disciplina e mostrou para mim e para minha filha Victoria que temos que fazer tudo que vale a pena, ou seja, viver com prazer e nós vemos que você é feliz no esporte que escolheu, portanto quero que você brilhe cada vez mais. Aliás, quando e onde é a próxima competição?
    Se quiser me responder, ficarei muito feliz.
    Um abraço,
    Ruth Moura

  6. sarah Says:

    diego te adoro muito sou muito sua faa!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: